sexta-feira, 16 de junho de 2017

Direito ao lazer.... Casa do Tejo em Lisboa

A Associação de Paralisia Cerebral de Lisboa -APCL, abriu em 2016 as Portas da Casa do Tejo - o Direito ao Lazer.
Este equipamento proporciona às famílias com crianças ou jovens com deficiência descanso, oferecendo um alojamento de férias numa casa em Lisboa.
Durante um fim de semana ou uma semana, 3 famílias, com um enquadramento familiar idêntico, partilham a Casa do Tejo. Durante o dia, os pais e irmãos vão conhecer assim a cidade de Lisboa, usufruindo de programa turístico criado para o efeito, enquanto o seu filho fica ao cuidado de uma equipa organizada e estruturada de acordo com as características do grupo, que presta os cuidados necessários em substituição dos pais cuidadores.

terça-feira, 6 de junho de 2017

Carta portuguesa para a diversidade

Podemos ler no site http://www.cartadiversidade.pt :
"A Carta para a Diversidadeiniciativa da União Europeia, é um dos instrumentos voluntários criados com o objetivo de encorajar os empregadores a implementar e desenvolver políticas e práticas internas de promoção da diversidade.
Uma Carta para a Diversidade consiste num documento curto assinado de forma voluntária por empregadores de vários setores (público, privado com e sem fins lucrativos). Ela descreve medidas concretas que podem ser tomadas para promover a diversidade e a igualdade de oportunidades no trabalho independentemente da origem cultural, étnica e social, orientação sexual, género, idade, caraterísticas físicas, estilo pessoal e religião."
Convidamos a visitar o site.

quarta-feira, 10 de maio de 2017

Pensar para atuar.... ainda

A insistência na utilização de algumas terminologias, como INCLUSÃO (por exemplo e não por acaso) é porque, como considerado por Barthes e Lacan: “Pensamos com as palavras” sendo estas o veículo de transmissão do pensamento usadas para construir ideias, conceitos e pensamentos. “ Em nossa mente uma palavra evoca o seu conteúdo do mesmo modo que o casaco de um amigo nos faz lembrar desse amigo ou uma casa dos seus habitantes”, sic (Vygotsky).
Pensar para actuar...

quarta-feira, 3 de maio de 2017

Promoção de competências digitais

INCoDe.2030 - Promoção de competências digitais inclui ações para pessoas com deficiência

A Iniciativa Nacional Competências Digitais e.2030 - Portugal INCoDe.2030 – apresentada no passado dia 3 de abril, em Lisboa, pretende, até 2030, melhorar os níveis de literacia digital em toda a população portuguesa, incluindo as pessoas com deficiência.
Algumas das metas estabelecidas até 2030 são ao nível do acesso à Internet: elevar a percentagem de habitações com acesso à Internet de 74% (2016) para 100% (2030), diminuir a percentagem de indivíduos que nunca utilizaram Internet de 26% (em 2016) para 5% (em 2030). Outras relacionam-se com a formação: pretende-se  elevar a percentagem de indivíduos com competências digitais básicas de 47% (2016) para 80%, e aumentar a % de especialistas em TIC de 2.3 (2015) para 8% (2013), entre outras.
Para o efeito irá promover várias ações, divididas por 5 eixos – Inclusão, Educação, Qualificação, Especialização e Investigação – em articulação com a sociedade civil, incluindo as organizações na área da deficiência.

Data de publicação: 19-04-2017 no site http://oddh.iscsp.ulisboa.pt/index.php/pt/

terça-feira, 18 de abril de 2017

Modelo de Apoio a Vida Independente: e agora?

Foi discutido até ao dia 27 de março o projeto de Modelo de Apoio a Vida Independente apresentado pelo Secretariado de Estado da Inclusão das Pessoas com Deficiência. Sabemos que a discussão foi participada. Tomámos conhecimento de vários pontos de vista e elaborámos o nosso.
Aguardamos agora o seguimento dos acontecimentos com alguma perplexidade. De facto, se a maioria das contribuições, as quais tivemos acesso, congratulam a iniciativa de finalmente propor o modelo de vida independente na ordem do dia,  a proposta apresentada falha essencialmente aos princípios de base deste forma de viver. Pelo que estamos impaciente de ver o que será agora o caminho seguido....

sexta-feira, 31 de março de 2017

O DUODAY 2017 já foi....

Ontem, decorreram cerca de 40 DUOs em Montemor-o-Novo e em Évora.  Foi uma boa experiência para todos os participantes e entidades.  Contribuiu para uma reflexão conjunta sobre esta temática e com impactos positivos no emprego e empregabilidade.  Projeto da MARCA Adl, em parceria com: Associação 29 de Abril, Comunidade Sócio-Terapêutica Casa João Cidade, Cercimor, Appacdm de Évora, Agrupamento de Escolas de Montemor-o-Novo, Agrupamento de Escolas N.º 4 de Évora, Agrupamento de escolas Manuel Ferreira Patrício, NERE- Associação Empresarial, União Freguesias Vila Bispo Silveiras, Município de Montemor-o-Novo, AVIQ.
Resta fazer a avaliação do projeto e apresentar os resultados.
 

terça-feira, 21 de março de 2017

Local de atendimento

Vale a pena recordar que desde os 8 últimos anos, temos o nosso local da atendimento na União das Junta de Nossa Senhora da Vila, Nossa Senhora do Bispo e Silveiras. Poderão encontrar a informação do horário de funcionamento aqui (caixa de lado).